monicaEu já passei da fase de ler Mônica, embora tenha imensa simpatia pelos personagens do Maurício de Souza. Mas a cultura pop volta e meia projeta a continuidade da vida de certos personagens. Lembro, por exemplo, de Jeanie é um gênio: lembram que cometeram Jeanie é um gênio 15 anos depois? (Ok, esse não é o título, mas é por aí…). Indiana Jones, Alice, Sherlock Holmes, Wendy, se tiram vários exemplos de mudanças temporais em personagens. Algumas vezes a coisa dá certo, a releitura é criativa. Outras vezes…melhor seria se o personagem ficasse na sua cápsula do tempo.  Não sei dizer esse algo sobre a Mônica. Não li nenhum gibi da nova fase. Mas a idade tem feito bem para essa garota. O traço do Maurício de Souza nunca perde a linha do bom gosto.

 (Ah, essa ilustração da revista Sax eu surrupiei do blog do Renato Félix).