Já é o início de 2009 e entre cobranças e adiamentos, estou eu aqui de novo, pronto pra outra. Eu levo um tempinho a mais para me tocar que o ano começou. E tomar conhecimento de que coisas acontecem.

Como estou de férias, meu ritmo está mais calmo. Comecei o ano pondo as leituras em dia, os filmes em dia, os escritos idem. Com novo material, um livro infantil e voltando a ter a alegria de compartilhar contos no Clube do Conto.

Este ano também começo a ter idéias para compartilhar um pouco o meu gosto por leituras e preparo, se possível, uma oficina de texto, redação criativa.

No mais, se não escrevi ainda em diário (uma agenda na mão sempre me instiga a escrever mais que contas a pagar…) é porque acho melhor o espaço virtual. Tentarei, um pouco como Borges, escrever a vida em ficção do qual faço parte, porque a literatura sempre substitui com relativa segurança, a pouca vida que insiste em grassar em dias inócuos.

Felicito ainda as candidaturas de Ricardo Anísio e Antonio Mariano para a Academia Paraibana de Letras. São pessoas culturais, com bagagem para isso.

E agradeço a continuidade das velhas amizades, além da imprevisibilidade de outras novas que aparecem no horizonte.

Bom dois-mil-e-nove para todos.